Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

As declarações de uma autoridade ou pessoa pública podem incentivar a violência contra meios e profissionais de comunicação?

Enquete

Terça-Feira, 01 de Setembro de 2020 @

O que faz uma rádio ser a mais querida pelo público?

Publicidade
Você sabe o que faz uma rádio ter mais sucesso e ser mais querida? Sabe o que fazer para a sua rádio chegar lá?

Sempre fui mais ligado na faceta tecnológica do que na artística dos meios de comunicação, e já faz uns cinco anos que tenho estudado para identificar os atributos que fazem uma rádio ser a mais querida pelo público.

Você deve estar imaginando que são os equipamentos mais avançados, a melhor música - para o ouvinte ou para dono? -, o som com a melhor qualidade e a cobertura que compõem a melhor rádio da região. Porém não são esses itens que garantem que uma rádio seja mais ouvida pelo público.

Como assim? Se não são esses atributos, o que mais poderia ser?

Isso tudo é extremamente importante, claro! Na verdade, eu diria que é essencial. Não faz sentido colocar uma emissora no ar sem as características que mencionei acima; esses atributos são essenciais e sabemos que fazem a emissora sofrer, mas nosso foco aqui é outro.

Mas pense comigo: qualquer rádio com algum dinheiro pode ter isso tudo. Certo?

No entanto, existem três pilares capazes de fazer até uma rádio de equipamentos e cobertura mais humildes ser mais querida e mais ouvida, e você consegue alcançá-los com uma boa equipe, um bom planejamento e algum investimento.

Vale lembrar que uma rádio é um meio de comunicação que tem sua renda baseada na venda de anúncios comerciais e institucionais, que devem estimular o consumo de produtos e a contratação de serviços dos seus anunciantes, aumentando suas vendas. A absorção desse estímulo tem bastante a ver com a impressão que o ouvinte tem da rádio.

Imagina-se que a melhor impressão da rádio é decorrente da sua qualidade de som e cobertura, mas já vimos acima que isso é o mínimo. Então agora vem a pergunta mais importante: Como melhorar a impressão que o público tem da rádio?

Respondo a essa pergunta falando sobre os três pilares essenciais que identifiquei nas rádios mais queridas pela audiência.

#1 A apresentação da rádio

Quando uma pessoa entra em sua rádio, ela fica encantada com o que vê? Uso a palavra encantada pois essa é a impressão que sua rádio deve causar; sua emissora precisa encher os olhos de quem entra para conhecê-la.

O encanto causado nos ouvintes, encanta e envolve também a equipe da rádio. Uma rádio mais apresentável ajuda de forma muito positiva na retenção de talentos e atração de novos.

Atrizes, atores, modelos e celebridades são chamados para elencar peças publicitárias por um motivo: eles encantam e influenciam as pessoas. Sua rádio não é uma peça publicitária, mas é parte do meio, não uma exceção à regra. Logo, ela deve ser encantadora, e se ela encanta - e influencia - o ouvinte, infalivelmente encantará também o anunciante.

Ter um bom atendimento é outro ponto muito importante. Quando alguém chega à sua rádio - seja um grande anunciante, um ouvinte que for retirar um prêmio ou alguém que gostaria de conhecer a rádio -, direcione essa pessoa corretamente. Apresente a rádio para cada visitante a fim de que ele

fique – como disse antes – encantado. Aproveite essas oportunidades como uma grande chance de estimular cada pessoa a divulgar a rádio; seja um exemplo de bom lugar para se visitar.

Além disso, ter locutores e equipe comercial que andem na rua com o uniforme da emissora e sejam saudados pelo público por sua simpatia ajuda a somar na apresentação da rádio. Afinal, são eles que atendem os clientes, os ouvintes e que conversam com a sua audiência no ar.

Com alguma frequência a rádio é vista como um meio de comunicação glamoroso – ainda que nem sempre o seja –, cultivar esse imaginário no público é interessante, se pudermos confirmar esse imaginário é melhor ainda.

#2 Presença na comunidade

Comunicadores que conhecem o público da rádio e conseguem engajá-lo em participações são peças fundamentais para a inserção da rádio na comunidade local. Outras oportunidades também devem ser muito bem observadas, pois toda condição de fortalecimento da marca deve ser explorada.

Ter uma equipe de jornalismo que se mantém antenada aos fatos que interessam ao público da rádio é um ótimo exemplo. Lembre-se de que uma emissora deve pesar sua pauta jornalística de acordo com o mote artístico, o que faz toda a diferença na impressão que a emissora causa no público e a torna parte da comunidade na qual está inserida.

Pesquisas recentes têm elencado rádios como um dos meios de comunicação mais críveis do mercado – viemos isso aqui, aqui e aqui –, e o cuidado com as fake news é algo imprescindível.

Finalmente, a realização, cobertura e participação em eventos locais, como exposições, feiras e shows, sempre ajudarão a rádio, ainda que não exista ágio financeiro – mas é sempre melhor se conseguir faturar algo, não é mesmo?

A exposição que vem desses eventos fortalece a marca da rádio na comunidade em que ela está inserida, e se a audiência reconhece sua emissora, o seu anunciante também irá reconhecê-la.

#3 Invista em promoções

Este é um dos pontos de maior apelo e menor complexidade para uma rádio desenvolver. Brindes e prêmios podem ser conseguidos com clientes da rádio ou comprados em uma infinidade de lugares.

Eles podem ser caros e luxuosos, oferecidos numa ação bem coordenada com algum patrocinador, ou podem ser simples, como uma camiseta, abridor de garrafas ou copo sorteados no dia a dia. O importante é não ficar sem promoções.

De todas as rádios que tenho acompanhado, desconheço uma que não faça promoções, sejam culturais, de hora em hora, desafios, enquetes ou respostas corretas.

A promoção culmina num evento que reúne tudo o que foi falado até agora: a entrega do prêmio. Quando um ouvinte vai até a rádio para buscar o prêmio, ele deve ficar encantado com o que vê, com a forma como é atendido; ele deve ter uma boa experiência mesmo recebendo o mais singelo dos brindes. Dessa forma, esse ouvinte atingirá outras pessoas na comunidade alvo da emissora com tamanha empolgação que outras pessoas se sentirão instigadas a ouvir a rádio.

Manter um histórico das promoções e padrões de consumo dela ajuda a identificar padrões de consumo da rádio. O Audients é uma ferramenta indispensável para gerar estatísticas e ajudar no planejamento artístico e comercial da rádio.

Tags: promoções, data, pesquisa, estratégia, audiência, rádio, relevância

Compartilhe!

Colunista
Charles Gilbert Kinas Charles Gilbert Kinas é engenheiro com formação em Engenharia Elétrica, Eletrônica e de Comunicações pela UDESC, sendo hoje responsável pela empresa BeAudio, que desenvolve uma série de soluções de infraestrutura e tecnologia para o mercado de rádio. Contato: https://www.beaudio.com.br/ e [email protected]








Mais tudoradio.com



tudoradio.com © 2004 - 2020 | Todos os direitos reservados
Marcas que pertencem ao tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.