Sexta-Feira, 02 de Março de 2018 @ 19:04

Evento de estreia da CBN FM reúne várias autoridades em Teresina

Teresina – Emissora é fruto da migração AM-FM na capital piauiense

Publicidade

Um evento na noite desta quinta-feira (1º) marcou a estreia da CBN FM 97.5 de Teresina. A rádio iniciou suas operações no dial da capital piauiense por meio da migração AM-FM da CBN AM 910. O coquetel contou com diversas autoridades do estado e foi realizado no espaço de eventos do restaurante Coco Bambu, na zona leste de Teresina.

adstexto

Entre as autoridades políticas presentes estavam o senador Ciro Nogueira, a vice-governadora Margarete Coelho, o deputado estadual Júlio Arcoverde, os deputados federais Iracema Portella e Assis Carvalho, e o secretário do Meio Ambiente, Ziza Carvalho, entre outros. O senador ressaltou a importância da emissora. “Eu moro em Brasília e sou ouvinte diário da CBN, que tem jornalismo de alta qualidade e que é uma rádio totalmente voltada pra isso, então fico muito feliz, nós já tivemos no passado, mas AM era uma qualidade bem inferior e agora com FM, uma rádio bem potente a gente fica muito feliz de Teresina e cidades vizinhas estarem com essa opção”, afirmou.

José Trabulo Júnior é o diretor e destacou que a programa será apenas de notícias e que por isso vão fazer uma programação diversificada. “A CBN é uma rádio de notícias, com um conceito de ser uma rádio revista onde trata de vários assuntos, economia, política, sexualidade, família, em fim com várias opiniões sobre os assuntos e o conceito é que você esteja em casa ouvindo opiniões de qualidade com um time de incrível e é isso que vai fazer a diferença”, explicou.

Podcasts da CBN já passam de 4,5 milhões de downloads

A CBN FM 90.5 AM 780 de São Paulo e CBN FM 92.5 AM 860 do Rio de Janeiro começou 2018 comemorando também a sua área no mercado digital. Em janeiro, os podcasts da emissora atingiram a marca de 4,5 milhões de downloads. Dentre os mais acessados, estão Comentaristas, com mais de 1,3 milhão de downloads; Economia, com 411 mil; e Política, que teve 274 mil.

Para Ricardo Gandour, diretor executivo de jornalismo da CBN, “o podcast é um novo e importante momento de consumo da marca, já que o ouvinte faz sua própria curadoria e pode ouvir quando quiser e puder. É um complemento da operação no dial. A pessoa só precisa abrir o aplicativo, montar a lista e escutar enquanto cozinha, lê algo...  tudo no tempo dela”, comentou.

Gandour conta que o projeto inicial de podcasts na CBN transformava apenas trechos de programas e comentários que iam ao ar em formatos disponíveis para download, mas que desde de 2017, a rádio tem investido em criações exclusivas para a plataforma. “Desde o ano passado, estão sendo criados conteúdos exclusivos que não são reproduzidos no dial. Para 2018, há a previsão de lançamento de mais séries exclusivas”, afirma.

Teste
Carlos Massaro

Carlos Massaro atua como radialista e jornalista. Já coordenou artisticamente uma afiliada da Band FM (Promissão/SP) e trabalhou como locutor na afiliada da Band FM em Ourinhos/SP e na Interativa de Avaré/SP e como jornalista na Hot 107 FM 107.7 de Lençóis Paulista/SP e na Jovem Pan FM 88.9 e Divisa FM 93.3 de Ourinhos. Também é advogado na OAB/SP e membro do Comitê Jurídico da AESP e da Comissão de Direito de Mídia da OAB de Campinas/SP. Atua pelo tudoradio.com desde 2009, responsável pela atualização diária da redação do portal.

https://www.tudoradio.com/noticias/ver/19150-evento-de-estreia-da-cbn-fm-reune-varias-autoridades-em-teresina