Quinta-Feira, 02 de Maio de 2019 @ 07:45

O Rádio hoje | Mais acessível, streaming de áudio já atinge 67% da população dos Estados Unidos

São Paulo - Volume no consumo acompanha o avanço das caixas de som inteligentes no mercado norte-americano

Publicidade

Recentemente o tudoradio.com publicou um panorama sobre o forte avanço das smart-speakers em todo o planeta, com destaque para o mercado dos Estados Unidos. E, sendo possível fazer uma relação direta, isso faz com que o streaming esteja cada vez mais acessível aos consumidores. A afirmação é baseada no aumento expressivo do consumo de áudio on-line nos Estados Unidos, agora na casa dos 67% da população norte-americana (alcance mensal, 12+ anos). O número é originado da pesquisa Infinite Dial, realizada pela Edison Research e divulgada no Brasil pelo portal ZYDigital.

adstexto

Para se ter uma ideia, o alcance mensal do streaming era de 47% nos Estados Unidos em 2014. Hoje, cinco anos depois, já supera os 67% da população com 12 anos ou mais. No mesmo período, no alcance semanal, o número de pessoas que consumiram áudio on-line em território norte-americano foi de 36% em 2014 para 60% em 2019.

Em relação às faixas etárias, o alcance do consumo de áudio on-line do público entre 12 e 24 anos foi de 94% em 2019, contra 88% em 2018 e 87% em 2017. Já entre 25 a 54 anos o alcance está em 74% em 2019, contra 73% em 2018 e 70% em 2017. Já o público de 55 anos ou mais, o avanço também foi expressivo, indo de 32% em 2017, para 33% em 2018 e um salto para 40% em 2019.

Os avanço mais significativos do consumo de áudio on-line nos Estados Unidos entre 2018 e 2019 batem com o crescimento dos smart-speakers. Conforme noticiado anteriormente pelo tudoradio.com, uma previsão da Canalys indica que a base mundial desses dispositivos deve saltar 82,4% na comparação entre 2018 e 2019. Nos Estados Unidos esse avanço de 46% até o final de 2019, correspondendo à 90 milhões de unidades.

Recomendamos:
> Futuro: Relatório da Revenue Analytics aponta cinco tendências para o futuro da radiodifusão 
> Previsão: Smart speakers devem ter um crescimento de 82% entre 2018 e 2019 

Na mesma pesquisa o levantamento da Infinite Dial aponta que o iHeartRadio (ligado ao maior grupo de FMs e AMs nos Estados Unidos) conta com 13% do consumo de áudio on-line em 2019, contra 24% do do Spotify e 30% do Pandora. Mas está à frente do Apple Music (12%), Amazon Music (12%), SoundCloud (11%) e Google Play (6%). Vale lembrar que o Radio.com, da Entercom (segundo maior grupo de rádios), passou a investir de forma mais efetiva em sua aplicação a partir de 2018. 

Vale lembrar que o consumo de áudio on-line significa desde o áudio streaming simulcast de AMs e FMs, como também conteúdos disponibilizados exclusivamente via internet, como aqueles oferecidos por aplicações como Spotify e Pandora. 


Consumo de áudio on-line (streaming) ao longo dos anos nos Estados Unidos / Fonte: Infinite Dial - Edison Research  / Arte: ZYDigital

Com informações do portal ZYDigital e da Edison Research 

Teste
Daniel Starck

Daniel Starck é jornalista, empresário e proprietário do tudoradio.com (veiculo que atua há mais de 19 anos voltado aos interesses do rádio brasileiro e de seus ouvintes). Formado em Comunicação Social / Jornalismo pela PUCPR, Daniel também já teve passagens por rádios como CBN, Rádio Clube e Rádio Paraná. Também atua como palestrante e consultor nas áreas artística e digital.

https://www.tudoradio.com/noticias/ver/21505-o-radio-hoje-mais-acessivel-streaming-de-audio-ja-atinge-67-da-populacao-dos-estados-unidos