Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Você confia na prestação de serviço e nas informações veiculadas pelo rádio sobre a pandemia da covid-19?

Enquete

Quinta-Feira, 20 de Maio de 2021 @

Tempestade perfeita ameaça o mercado de internet das coisas

Publicidade
Mas isso não é bem verdade: a escassez global de chips, que são necessários à fabricação de dispositivos conectados, e o déficit preocupante de profissionais para desenvolvimento de aplicações, relatado pela maioria dos fabricantes, parecem estar criando uma tempestade perfeita para a área de Internet das Coisas (IoT).

Essa realidade é apontada por pesquisa realizada pela Forrester, uma renomada empresa de análises na área de tecnologia.

A pesquisa descobriu que 80% dos fabricantes globais estão enfrentando desafios na produção de produtos e serviços digitais. Parte do problema decorre da demanda sem precedentes por dispositivos IoT - já existem mais coisas conectadas do que pessoas no mundo e a tendência é de crescimento, como diz outra empresa das área, a IDC, que estimou recentemente que haverá um total de 41,6 bilhões de dispositivos conectados em 2025.

Os consumidores estão particularmente interessados ??em usar produtos inteligentes em suas casas: lâmpadas, termostatos e até geladeiras conectadas. A Forrester previu que, em 2025, o lar americano médio terá 20 dispositivos conectados à internet.

Nesse contexto, não será suficiente para os fabricantes produzirem mais das mesmas velhas coisas. As expectativas dos compradores estão crescendo: eles querem dispositivos conectados fáceis de usar, com novos recursos, sendo continuamente aprimorados. Eles esperam que esses dispositivos funcionem juntos e de forma harmoniosa, em diferentes plataformas e sistemas operacionais.

Mais 80% das empresas ouvidas pela Forrester disseram que precisam lançar rapidamente novos produtos e serviços inteligentes para manter ou aumentar sua posição no mercado; isso significa, na maioria dos casos, que um novo ciclo de pesquisa e desenvolvimento precisa ser iniciado.

E fica a dúvida maior: para isso, talentos estarão disponíveis em quantidade adequada? Ao menos aqui no Brasil, com certeza, não.

*Por Vivaldo José Breternitz, Doutor em Ciências pela Universidade de São Paulo, é professor da Faculdade de Computação e Informática da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Contato: [email protected]

Tags: iOT, inteligência artificial, dispositivos, mercado, tendências

Compartilhe!

Colunista
Mercado | Insights

Rádio também é empresa. É mercado. E está sujeito a tendências, reflexões e outros temas que atingem diferentes segmentos econômicos. O tudoradio.com trás aqui artigos que colaboram com a gestão de emissoras de rádios como empresas conectadas à atualidade. Atenção: O tudoradi.com não se responsabiliza pelos textos publicados nessa área, função remetida ao autor do mesmo










tudoradio.com © 2004 - 2021 | Todos os direitos reservados
Marcas que pertencem ao tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.