Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Qual o tipo de conteúdo que você prefere consumir no rádio?

Enquete

Sexta-Feira, 27 de Setembro de 2019 @ 00:00

Luiz Carlos Magal

Teste
Neste mês de setembro o tudoradio.com conversou com Luiz Carlos Magal, gerente artístico das emissoras Centro América FM Easy de Cuiabá (MT) e Morena FM Easy de Campo Grande (MS).

Na pauta está a inauguração da Morena FM Easy, a trajetória da Centro América FM Easy e a expansão do formato adulto-contemporâneo no rádio brasileiro.

Acompanhe!


Magal, agradeço o seu tempo para falarmos da expansão dos projetos de vocês no Centro-Oeste. Para começarmos, gostaria que você lembrasse a nossa audiência sobre a trajetória da Centro América FM Easy. Quando ela foi iniciada e como a FM está hoje no mercado de Cuiabá?

Me sinto honrado em ser entrevistado pelo tudoradio.com, que eu vi nascer em 2004 (se não me falha a memória) e ter se tornando o site referência no Brasil, quando o assunto é radiodifusão. A Centro América FM Easy foi inaugurada oficialmente em 16 de novembro de 2010. A proposta foi, e é, fazer um rádio diferente e original. Num mercado que se acreditava que não havia espaço para um rádio adulto, um rádio que não tocasse sertanejo e seus derivados, foi provado, ao longo desses 9 anos, que havia muitos ouvintes órfãos de rádio, em Cuiabá. E foi com essa percepção, que a diretoria entendeu, que sim, deveríamos segmentar a programação para uma audiência específica, que como eu disse, não ouvia mais rádio por não ter uma programação que atraísse esse público precioso, que ninguém tinha percebido até então. Atualmente, a Centro América FM Easy é referência nacional pela qualidade de sua programação, credibilidade e por ser original. Estamos entre as quatro emissoras de maior audiência na baixada cuiabana, o que ainda, causa surpresa em muitas pessoas.

Agora vocês expandiram a atuação para Campo Grande, correto? A Morena FM Easy é um espelho do que é feito em Cuiabá? Quais são as diferenças?

Sim. No dia 29 de setembro deste ano, entramos no mercado de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, com a mesma proposta. O cenário do rádio em Campo Grande não é muito diferente de Cuiabá. Claro, que não é simplesmente você fazer um "CTRL C/ CTRL V", que o resultado vai ser igual. Temos que ter em mente, que a maneira, a cultura das pessoas é diferente. Portanto, você tem que observar como as pessoas funcionam e reagem a determinados estímulos. Cuiabá e Campo Grande são duas cidades bem diferentes, no que tange a cultura e comportamento de suas respectivas populações. Mas são iguais com relação a fidelidade e defesa de suas raízes. E são iguais, em suas economias que giram em torno do agronegócio. Então, o conceito e o padrão são os mesmos. Porém, a forma de comunicar tem que ser diferente. No final das contas, independentemente da cidade, do estado ou pais, todo querem um jeito 'Easy' de viver. (risos)

Havia um espaço para esse formato de rádio em Campo Grande? O cenário encontrado por vocês no Mato Grosso do Sul é o mesmo daquele quando vocês iniciaram em Cuiabá?

Sim. Da mesma forma que em Cuiabá, encontramos um terreno fértil e que não tinha sido cultivado ainda, em Campo Grande.

E quais são as expectativas para a Morena FM Easy em Campo Grande? Já há um retorno positivo por parte da audiência e mercado local?

Não estamos mais no modo "expectativa". A reação positiva aconteceu de forma imediata...de forma instantânea. Eu falo isso tanto pela reação da audiência (ouvintes) como pelo mercado publicitário de Campo Grande.

E como está a concorrência hoje para Centro América FM Easy em Cuiabá? Houve uma expansão do formato adulto-contemporâneo no mercado?

Me sinto frustrado com relação a nossa concorrência. E não estou sendo irônico e nem sarcástico. Quando se tem uma concorrência a altura, você aprende muito. E infelizmente, a nossa concorrência fez um "CTRL C/ CTRL V", muito mal feito por sinal. Eu não acredito naquela máxima que diz; "no rádio nada se cria, tudo se copia". Você pode fazer um rádio com mesmo seguimento e formato da concorrência. Mas, com propostas e conceitos diferentes. A Centro América FM Easy é um exemplo disso. A nossa programação musical difere muito pouco de outras rádios adultas do Brasil. Porém, a nossa forma de comunicar é diferente. Enquanto as outras ainda tem um jeito formal...engessado de comunicação, na Centro América os comunicadores são soltos, com as suas personalidades preservadas. Os ouvintes estão próximos e participam da programação enviando mensagens de textos e áudios, que são colocados no ar. A informação do trânsito, muitas vezes, o protagonista é o ouvinte; que entra no ar, informa aonde está acontecendo um congestionamento e o motivo deste engarrafamento. Sim, aqui na Centro América Fm Easy é permitido o comunicador rir e dar um bom dia, boa tarde e boa noite para o "João e Maria" (risos).

Como você observa esse avanço das rádios de formato adulto-contemporâneo em todo o Brasil e também lá fora? É uma tendência que deve seguir?

Vejo o crescimento do rádio Adulto-Contemporâneo no Brasil, com certo orgulho. Digo isso, porque em 1989 em Curitiba, ajudamos no início do conceito Easy de rádio. E, em primeiro de abril de 1991, foi ao ar, também em Curitiba, a primeira rádio Easy do Brasil. Acredito que sim, é uma tendência, na medida que a população esta envelhecendo, as memorias afetivas vão se acumulando, e não tem coisa melhor pra despertar essas memorias afetivas, do que a música, a boa música atemporal. E o rádio ainda é sinônimo de música, companheirismo, credibilidade e rapidez na informação.

Para finalizarmos, além de uma programação competitiva e qualificada, o que mais rádios como Centro América FM Easy e Morena FM Easy devem considerar para se destacarem em seus mercados?

Para o bem do rádio, é preciso diversificar...é preciso se arriscar...é preciso, sobretudo sair dessa monocultura que estamos vivendo a décadas no rádio. Percebo que estamos vivendo um momento muito importante para a comunicação de massa em geral. Este é o grande momento da diversidade radiofônica, não podemos deixar essa "onda”"passar. E a Centro América e Morena Fm Easy, são exemplos de que você pode fazer um rádio de qualidade, independentemente do seguimento que se opte. Quer fazer um rádio no seguimento adulto-contemporâneo? Faça. Mas, sem perder o essencial: a empatia e a proximidade com o seu ouvinte.

Magal! Agradeço o papo com os visitantes do tudoradio.com

Tags: Centro América FM Easy, Magal, adulto-contemporâneo, Cuiabá, Morena FM Easy, Campo Grande, Centro-Oeste

Compartilhe!

Teste
Daniel Starck

Daniel Starck é empresario, jornalista e proprietário do tudoradio.com (veiculo que atua há mais de 17 anos voltado aos interesses do rádio brasileiro e de seus ouvintes). Formado em Comunicação Social / Jornalismo pela PUCPR, Daniel também já teve passagens por rádios como CBN, Rádio Clube e Rádio Paraná. Também atua como consultor nas áreas artística e digital.



Mais tudoradio.com



tudoradio.com © 2001 - 2019 | Todos os direitos reservados
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.