Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Qual o tipo de conteúdo que você prefere consumir no rádio?

Enquete

Segunda-Feira, 07 de Dezembro de 2009 @ 00:00

Patr?cia Liberato

Teste

O Tudo Rádio tem a honra de entrevistar a rainha do radio paulistano, a voz feminina marcante do FM popular, Patrícia Liberato, a locutora que embala as tardes da Transcontinental FM, emissora que acaba de se consolidar como vice-líder de audiência no maior mercado radiofônico do país. Essa Uruguaiana com alma brasileira está no radio há 25 anos com carisma e um show de simpatia.

Patrícia com quantos anos você veio para o Brasil?

Vim de Montevidéu muito pequena, com dois anos de idade.

O que te despertou para seguir carreira no rádio?

Pois é, a minha paixão sempre foi a música. Meus tios e avós são músicos.  Nunca consegui aprender a tocar nenhum instrumento, mas fui conhecer uma rádio quando fui morar com meus pais no interior de São Paulo, e aí foi paixão a primeira vista!...rsrsrs

O rádio sempre foi um sonho ou uma opção profissional?

Foi uma feliz coincidência, graças a deus! Sempre fui muuuiiito tímida!!!!

Como foi seu início e como isso aconteceu?

Então! Vim do Uruguai pequena, moramos em vários lugares de São Paulo, e meu pai é funcionário dos correios. Aí em 1983/84 fomos morar em Itapeva (SP) e depois em Itararé (SP). Em Itapeva, tinha uma amiga que namorava o principal locutor da cidade, chamado Mick Flávio, sensacional, e foi então que ele me convidou pra fazer um teste. Foi onde tudo começou.

Alguém te inspirou no rádio?

Poxa... Nunca prestei atenção aos locutores, pra falar bem a verdade!...rsrsrs.... mas uma coisa engraçada....nós tínhamos uma situação financeira bem difícil na época, e nem rádio tínhamos, então, quando eu queria ouvir música, assistia ao Serginho Café  na TV Bandeirantes, no programa super especial, aí conheci ele numa transmissão de carnaval no Anhembi e falei: ‘sabe, acho que acabei no rádio por sua causa...’ ele riu e hoje tenho muito orgulho em ser colega de trabalho dele...nos falamos muito por twitter...

Atualmente, você ouve rádio?

Ouço muuuiiito!!!!!!!! Ouço o Pânico, ouço o Daniel Daibem no sala dos professores que adoro!!! Ouço tudo que posso da  Eldorado, da Nova Brasil, 89 FM, Metropolitana, Mitsubishi FM, Band News, Kiss FM, enfim...

Qual a maior dificuldade para um profissional que está começando no rádio?

Nossa, acho que a dificuldade normal de se firmar no mercado e se fazer respeitar, principalmente sendo mulher!

Todo início é difícil. Quais as dificuldades que você encontrou no início e ao longo da sua carreira?

Risos...salário baixo, escalas desumanas,e homens achando que podem te xavecar a vontade!!!!

Você que já teve passagem na Cristal FM 93,5 de Itapeva (SP) e na Cruzeiro do Sul FM 94,3, de Itararé (SP), o interior é realmente uma grande escola para os profissionais que estão começando?

Sem sombra de dúvidas! A melhor escola do mundo... l á fiz programação, locução, operação de áudio, folgas, lavava os cachorros que cuidavam da rádio (isso em Itapeva!)...rsrsrsrs...aprendi demais!!!

Como aconteceu o convite para vir para a capital?

Trabalhava nas Casas Bahia, de faturista, o salário não dava e fui fazer um teste para a antiga rádio Globo, e depois para uma rádio que nem conhecia que se chamava Líder FM. Passei e comecei a fazer então rádio popular.

Por ser o maior centro de mídia do país isso te assustou?

Não! Me deu muita alegria!!!!

Muitas pessoas ainda te associam a extinta Líder FM, essa foi sua primeira rádio na capital paulista?

Sério??? Achei que nem lembravam mais... rsrsrsr... foi sim, minha primeira rádio na capital, sou muito grata... foi onde comecei com programação popular...

Por ser um mercado muito disputado, é difícil ter grandes amigos nessa profissão?

Acho que não, muito pelo contrário tenho grandes e queridos amigos de muito tempo

Pode citar alguns desses amigos?

Claudia Martins, Girassol, Nilton Lobo, Paulo Sérgio Souza, Claudio Fumaça, Betinho, Lalá Moreira, Pardini, Zé Américo, Ivan de Oliveira, Bene Alves, Marquinhos Silveira, Claudia Alexandre, Xuxu (divulgador.) nossa tanta gente!!!

Como foi sua passagem pela rádio América AM de São Paulo?

Infelizmente foi muito rápida meu coordenador  na Líder, na época, o Paulinho, não me deixou continuar, aí sim, fiquei muito triste, mas mesmo assim, adorei o pouco tempo

A rádio popular tem sempre espaço entre os ouvintes, prova disso é que as três primeiras colocadas na capital paulista, segundo dados do IBOPE, cultua esse segmento. Você acha que esse formato sempre vai dar certo ou precisa ser renovado?

Acho que tudo depende de saber como é o perfil do ouvinte naquele momento específico, e aí se adaptar

Você faz rádio popular. Já teve vontade de fazer outro estilo de locução?

Talvez rádio jornalismo, quando comecei no interior, fazia estilo jovem.

A forma que você se comunica é contagiante. Qual o segredo?

Sério??? Que ótimo! Fico feliz!!! Mas não sei se tem segredo faço o que sinto, tem dias que to até meio down  mas respiro fundo, e vamos lá.

O mercado de vozes femininas em grandes centros é mais escasso, ao que você atribui isso, falta de interesse ou oportunidades?

Falta de oportunidades e também as pessoas acham que as vozes femininas são todas iguais, se fosse assim,  com os homens seria a mesma coisa, né?...rsrsrs

Segundo dados do IBOPE em algum horário você atingem o primeiro lugar, ao que você atribui esse sucesso com os ouvintes?

Olha isso é fruto de muito trabalho e perseverança de uma equipe, capitaneada por gente que sabe fazer rádio: Cid Luiz Jardim, e neste horário, principalmente, pelo meu patrão, o Cidinho, que cuida de cada detalhe. Liga pra falar o que  não ta rolando bem, enfim tem muita pesquisa, trabalho e dedicação de toda uma equipe nisso eu sou a finalização o laço do pacote!...rsrsrsr

Quais os projetos da Transcontinental FM para buscar o primeiro lugar da audiência?

Acho que é continuar com o trabalho que já é feito há muito tempo! Seguimos nosso caminho, é isso!

O que você pensa sobre a digitalização do rádio no país?

Puxa não tenho uma opinião formada  ainda

Qual o futuro do rádio no Brasil com o crescimento da internet?

Bom, aí isso realmente me preocupa!...rsrsrsr...acho que teremos que gerar mais conteúdo, e não ficar no vitrolão, porque hoje em dia quem quer ouvir música, baixa em qualquer lugar, né?

Além do rádio você tentou ingressar na política. Como foi essa experiência? (se candidatou a deputada federal)

Olha foi maravilhosa! O contato corpo a corpo é a melhor coisa que já vivenciei e ver de perto as necessidades das pessoas, que você sabe que existe, mas quando entra numa favela, vê uma mãe se virando em mil pra manter sua família, com filha de 13 anos grávida, marido desempregado, e um filho de 8 que chega as 10 da noite com uma caixa de engraxar sapatos nas costas aí você vê que não ta fazendo nada pelo seu próximo e tanto dinheiro é desviado e tão pouco é necessário pra não se passar fome!!!!

Ainda pretende tentar a carreira política outras vezes?

Não sei não desanimei não, viu?!...rsrs...só estou  me reestruturando e analisando a cena

Você tem outros projetos na sua vida profissional?

Tenho sim estou fazendo mestrado em jornalismo talvez uma hora dessas vá para a docência vamos ver

Bom! Quero agradecer a você Patrícia Liberato, em nome do Tudo Rádio, por essa entrevista, e deixo aqui um espaço para que você transmita uma mensagem a todos os seus ouvintes e aos que acompanham seu trabalho.

Olha muitíssimo obrigada pelo espaço, pelo carinho e respeito e ter uma matéria no Tudo Rádio é uma honra! To super feliz pelo resultado no Ibope, e pela  receptividade do público que nos acompanha que deus abençoe a todos e um maravilhoso 2010!

Tags: Transcontinental

Compartilhe!

Teste
César Porto

César Porto é jornalista e radialista. Iniciou sua carreira em São Paulo com passagem pela rádio Iguatemi AM da Rede Mundial, entre outras FMs da capital. Atualmente est? na Minas FM 91.5 do Sul de Minas Gerais. Participa da equipe do Tudo Rádio.com desde 2008.



Mais tudoradio.com



tudoradio.com © 2001 - 2019 | Todos os direitos reservados
Marcas que pertencem ao tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.