Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Seja pelo celular, rádio do carro ou receptor tradicional… você já tem algum receptor de rádio com FM estendido (a partir de 76.1 FM)?

Enquete

Segunda-Feira, 09 de Março de 2015 @ 09:18

Abert aciona STF contra decisões sobre propaganda de bebidas alcoólicas

Brasília - Acórdãos violam o princípio constitucional da liberdade de iniciativa de suas emissoras associadas e de outros setores da economia

Publicidade
A Abert ajuizou no Supremo Tribunal Federal (STF) ação contra três decisões do Tribunal Regional Federal da 4ª Região sobre propaganda comercial de bebidas alcoólicas. De acordo com a entidade, os acórdãos do TRF-4 “criam severas restrições à propaganda comercial de bebidas alcoólicas de teor igual ou inferior a 13 graus Gay-Lussac”, o que contraria “frontalmente preceitos fundamentais da Constituição”.
 
A Lei Federal 9.294/1996, que regulamenta a propaganda de bebidas alcoólicas, restringe seus efeitos exclusivamente às bebidas com teor alcoólico superior a 13 graus Gay-Lussac, sustenta a Abert. Segundo a associação, as decisões do TRF-4 violam o princípio da separação de Poderes, pois o STF já havia decidido anteriormente que a matéria é de competência exclusiva do Congresso Nacional.
 
Além disso, a Abert alega que, ao impor restrições à veiculação de propagandas de bebidas alcoólicas, os acórdãos do TRF-4 violam o princípio constitucional da liberdade de iniciativa de suas emissoras associadas e de outros setores da economia. “São diversos os contratos de publicidade celebrados com as associadas da requerente que correm o risco de serem rompidos em função da mudança abrupta – e não submetida ao debate democrático – da legislação aplicável à propaganda de bebidas alcoólicas”, sustenta a entidade na ação.
 
A Abert argumenta ainda que houve violação ao princípio da legalidade, já que, ao proferir as decisões, a corte regional “pretendeu rever o marco regulatório aplicável à propaganda desse produto, em flagrante desrespeito à reserva legal instituída sobre a matéria”. O instrumento jurídico ajuizado pela entidade junto ao STF é uma Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF). A matéria foi distribuída para a ministra Carmen Lúcia.
 
Com informações da Abert
Tags: Rádio, Abert, processo, publicidade, Brasília

Compartilhe!

Teste
Carlos Massaro

Carlos Massaro atua como radialista, jornalista e é formado em Direito, com pós graduação em Direito Trabalhista e Tributário. Já coordenou artisticamente uma afiliada da Band FM (Promissão/SP) e trabalhou como locutor na afiliada da Band FM em Ourinhos/SP e na Interativa de Avaré/SP. Atua pelo tudoradio.com desde 2009, responsável pela atualização diária da redação do portal.



...









tudoradio.com © 2004 - 2021 | Todos os direitos reservados
Mais tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.