Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Em 2023, você se imagina ouvindo rádio de que maneira?

Enquete

Segunda-Feira, 12 de Setembro de 2016 @ 09:21

Assaltantes invadem estúdio da 103 FM em Aracaju

Aracaju - Homens armados levaram equipamentos eletrônicos

Publicidade
A rádio 103 FM 103.1 de Aracaju foi invadida por homens armados na noite deste sábado (10). A locutora que estava no ar relatou o assalto ao vivo e pediu ajuda aos ouvintes. A sede da rádio está localizada no Bairro Alto da Jaqueira, Zona Norte da cidade. 
 
 
Segundo informações da emissora, a locutora apresentava um programa ao vivo quando os homens invadiram a emissora. Ainda sem saber se o grupo permanecia na empresa, narrou o que tinha acontecido e pediu ajuda aos ouvintes e à polícia. "Os homens perceberam que ela estava com o microfone ligado e deram um tapa no aparelho", explicou o diretor da emissora, Vieira Matos.
 
O porteiro voltava da cozinha quando avistou os homens escondidos no jardim da emissora. “Corri para a guarita pra me proteger, mas não deu tempo. Eles me renderam, pediram para desligar o alarme e depois me levaram para dentro do prédio. Ainda me deram uma coronhada e foram muito violentos, fazendo ameaças. No estúdio colocaram a arma na cabeça da locutora”, contou o porteiro que teve ferimentos em um dos braços e pediu para não ser identificado.
 
Ele disse ainda que eram cerca de cinco homens, todos armados com revólver. Durante a ação, arrombaram a sala da administração, levaram celulares, notebook da locutora, dinheiro e outros equipamentos.
 
O comandante do Policiamento Militar da capital, Tenente Coronel Vivaldy Cabral, informou que assim que o fato foi registrado a polícia começou a fazer buscas na região. O circuito de segurança poderá ajudar na identificação do grupo.
 
Rádio na divisa do Brasil com o Paraguai sofre atentado a bomba
 
A sede da rádio Amambay FM 100.5 AM 570 de Pedro Juan Caballero (no Paraguai) foi alvo de atentado na noite da última sexta-feira (9) e a locutora pediu socorro ao vivo. "Atentado na rádio, nos atiraram uma bomba, chamem a polícia e ambulância, por favor", disse a mulher durante o programa. 
 
Ela e um convidado que era entrevistado ficaram feridos, mas sem gravidade. A cidade paraguaia fica ao lado de Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul. O prefeito de Pedro Juan Caballero, José Carlos Azevedo (PLR) disse que a empresa já foi alvo de outros atentados. "No ano passado duas antenas caíram e há dois anos mataram um jornalista", disse.
 
A rádio pertence à família do senador Robert Acevedo, presidente do Congresso Paraguaio, que denuncia a ação de narcotraficantes. Há seis anos o senador foi vítima de emboscada em Pedro Juan. Ele teve o carro alvejado por tiros.
 
A polícia paraguaia investiga o ataque à rádio e há suspeita de que seja uma represália dos traficantes. Os homens que jogaram a bomba teriam fugido para o lado brasileiro.
 
Com informações do G1

Todos os direitos são reservados ao Portal tudoradio.com, conforme a lei nº 9.610/98. A publicação, redistribuição, transmissão e reescrita são permitidas, desde que contenham os devidos créditos ao Portal tudoradio.com.

Tags: Rádio, 103 FM, assalto, Aracaju, Amambay FM AM, Paraguai

Compartilhe!

Teste
Carlos Massaro

Carlos Massaro atua como radialista e jornalista. Já coordenou artisticamente uma afiliada da Band FM (Promissão/SP) e trabalhou como locutor na afiliada da Band FM em Ourinhos/SP e na Interativa de Avaré/SP e como jornalista na Hot 107 FM 107.7 de Lençóis Paulista/SP e na Jovem Pan FM 88.9 e Divisa FM 93.3 de Ourinhos. Também é advogado na OAB/SP e membro do Comitê Jurídico da AESP e da Comissão de Direito de Mídia da OAB de Campinas/SP. Atua pelo tudoradio.com desde 2009, responsável pela atualização diária da redação do portal.



...









tudoradio.com © 2004 - 2023 | Todos os direitos reservados
Mais tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.