Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Seja pelo celular, rádio do carro ou receptor tradicional… você já tem algum receptor de rádio com FM estendido (a partir de 76.1 FM)?

Enquete

Terça-Feira, 09 de Julho de 2019 @ 13:06

Repórter da Rádio Record presenciou execuções que foram consideradas estopim da Revolução de 32

São Paulo - Em 9 de julho de 1932 teve início da Revolução Constitucionalista

Publicidade

Hoje é 9 de julho, feriado em todo o estado de São Paulo. A data relembra o início da Revolução Constitucionalista de 1932. Várias rádios paulistas exibiram reportagens ou editoriais sobre a data. Uma emissora da capital, porém, transmitiu ao vivo o que seria o estopim da revolução. Um repórter da Rádio Record AM 1000 de São Paulo narrou, da sacada do prédio de onde era a rádio, a execução de quatro manifestantes: Mário Martins de Almeida (Martins), Euclides Bueno Miragaia (Miragaia), Dráusio Marcondes de Sousa (Dráusio) e Antônio Américo Camargo de Andrade (Camargo).

O movimento cobrava a criação de uma Constituição e defendia o fim da intervenção do presidente Getúlio Vargas no governo paulista. Esse movimento arrebatou a população após quatro manifestantes serem mortos em protesto na sede do partido do ex-presidente no Centro da capital. 

As vítimas eram Martins, Miragaia, Drausio e Camargo, nomes que deram origem à sigla M.M.D.C, que batizou o movimento. Houve confrontos entre o governo brasileiro e o exército paulista (que convocou de forma voluntária a população do estado).

O confronto, que foi considerado o estopim para o início da revolução, ocorreu no dia 23 de maio em frente ao prédio onde se ficava a sede da emissora, na Praça da República, número 17. O fuzilamento dos estudantes foi presenciado e narrado por César Ladeira, da sacada do prédio onde ficava a Rádio Record AM.

Atualmente o dia 9 de julho, que marca o início da Revolução de 1932, é a data cívica mais importante do estado de São Paulo e feriado estadual. Os paulistas consideram a Revolução de 1932 como sendo o maior movimento cívico de sua história. 

A lei 2.430, de 20 de junho de 2011, inscreveu os nomes de Martins, Miragaia, Dráusio e Camargo, o MMDC, heróis paulistas da Revolução Constitucionalista de 1932, no Livro dos Heróis da Pátria. Foi a primeira grande revolta contra o governo de Getúlio Vargas e o último grande conflito armado ocorrido no Brasil.

A Rádio Bandeirantes FM 90.9 AM 840 de São Paulo realizou a cobertura do desfile cívico-militar que foi realizado na capital paulista na manhã desta terça-feira. O contou com a presença de autoridades, além de um grande número de pessoas. A emissora do Band Rádios esteve durante toda manhã acompanhando o desenvolvimento do desfile.


A reprodução das notícias e das pautas é autorizada desde que contenha a assinatura 'tudoradio.com'
Tags: Rádio, 9 de Julho, Rádio Record, Rádio Bandeirantes, São Paulo

Compartilhe!

Teste
Carlos Massaro

Carlos Massaro atua como radialista, jornalista e é formado em Direito, com pós graduação em Direito Trabalhista e Tributário. Já coordenou artisticamente uma afiliada da Band FM (Promissão/SP) e trabalhou como locutor na afiliada da Band FM em Ourinhos/SP e na Interativa de Avaré/SP. Atua pelo tudoradio.com desde 2009, responsável pela atualização diária da redação do portal.



...









tudoradio.com © 2004 - 2021 | Todos os direitos reservados
Mais tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.