Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

As declarações de uma autoridade ou pessoa pública podem incentivar a violência contra meios e profissionais de comunicação?

Enquete

Quarta-Feira, 04 de Agosto de 2010 @ 08:39

Panorama: O desempenho de uma AM em FM

São Paulo – Transmissões simultâneas entre canais marcam o rádio brasileiro nos últimos meses

Publicidade

Um dos principais assuntos em pauta nas discussões sobre o rádio é a questão de uma rádio AM passar a transmitir sua programação de forma simultânea através de um canal em FM. Ate que ponto isso é prejudicial ou benéfico ao rádio brasileiro, se é rentável e se enfraquece de vez o rádio AM. Algumas pesquisas de audiência revelam algumas tendências apontadas por quem escolheu esse modelo de transmissão através de dois canais.

Em São Paulo são duas grandes rádios que adotaram esse sistema. A primeira delas foi a CBN FM 90.5, ouvida também em AM 780. No caso da emissora jornalística do Sistema Globo de Rádio, a audiência no canal em FM é cerca de quatro vezes maior em relação ao numero apresentado pela AM (Instituto Ibope). Porém a situação também aponta outros fatores que contribuíram tal situação: essa transmissão simultânea sempre ocorreu com a CBN em São Paulo, ou seja, os dois canais partiram do zero. Nesse caso depende muito do trabalho realizado pela estação para popularizar seus formatos de transmissão.

A situação da Bandeirantes é oposta à da CBN. A grande força da rádio está no canal AM 840, frequencia que não foi enfraquecida com a adoção da transmissão via FM 90.9. Nesse caso a Bandeirantes passou a ter mais audiência em São Paulo, fisgando uma pequena parcela do mercado jornalístico em FM, além de demonstrar uma tendência de crescimento no AM. Mas é importante salientar que o sistema de transmissão da 90.9 FM está instalado fora da capital paulista, criando algumas áreas de sombra.

Esse quadro apresentado pela Bandeirantes também é observado nas “novatas” nesse modelo de transmissão. Em Porto Alegre a Gaúcha AM 600 tem mantido um índice de audiência semelhante ao número apresentado nos últimos anos (também sem a FM), enquanto a FM 93.7 tem crescido nos últimos meses, registrando sua maior média de audiência desde sua estréia em 2008. A Gaúcha segue com a mesma força no AM enquanto ganha mais ouvintes em FM. Tendência também apontada na Super Rádio Tupi AM 1280 que desde o ano passado transmite em 96.5 FM no Rio de Janeiro.

Já em Belo Horizonte a Itatiaia AM 610, uma das pioneiras nesse formato de transmissão, mantém uma audiência significativa no mercado AM, dominando boa parte da fatia presente nesse formato de transmissão, enquanto não vê limites no mercado de rádio em FM, passando a ocupar as primeiras colocações gerais na capital mineira (brigando inclusive com as chamadas rádios populares/ecléticas).

Outra que está conquistando novos ouvintes é a Rádio Globo AM 1220 do Rio de Janeiro, rádio que iniciou suas transmissões em 89.3 FM no primeiro semestre desse ano. Na última pesquisa de audiência a Rádio Globo já apareceu dividindo a audiência com várias FMs tradicionais da capital fluminense, conforme observado pelo Tudo Radio no inicio do mês.

Por enquanto, através dos números apresentados pelas pesquisas de audiência do Instituto Ibope, as rádios que estão transmitindo de forma simultânea em dois canais não tiveram suas estações em AM enfraquecidas e ganharam espaços importantes no mercado de rádio em FM. Nos próximos dias será a vez da Guaíba AM 720 de Porto Alegre passar a utilizar um canal em FM para realizar transmissão simultânea (a FM 101.3).

A principal critica feita, principalmente pelos sindicatos de radialistas, é o fato de ter duas rádios transmitindo uma única programação, independente da faixa de frequência, diminuindo o mercado para os profissionais atuarem. Por outro lado é defendida o fortalecimento dessas estações, situação que acarretará investimentos técnicos e no quadro profissional.

Qual é a sua opinião sobre o assunto? Participe via Twitter do Tudo Rádio.com. Mande sua mensagem para a publicação em nossa página na rede social: http://twitter.com/TudoRadio


Caminho inverso: FM transmitido no AM

Recentemente relatamos que uma rádio tradicional do Brasil realizou o caminho contrário do quadro apresentado acima. Em vez da AM migrar para o FM, foi a FM que passou a ter sua programação retransmitida em uma faixa AM. Isso acontece em Curitiba, através das estações da tradicional Rádio Clube. A “B2” foi transformada numa espécie de repetidora na popular Clube FM 101.5.


A reprodução das notícias e das pautas é autorizada desde que contenha a assinatura 'tudoradio.com'
Tags:

Compartilhe!

Teste
Daniel Starck

Daniel Starck é jornalista, empresário e proprietário do tudoradio.com (veiculo que atua há mais de 19 anos voltado aos interesses do rádio brasileiro e de seus ouvintes). Formado em Comunicação Social / Jornalismo pela PUCPR, Daniel também já teve passagens por rádios como CBN, Rádio Clube e Rádio Paraná. Também atua como palestrante e consultor nas áreas artística e digital.



...







Mais tudoradio.com



tudoradio.com © 2004 - 2020 | Todos os direitos reservados
Marcas que pertencem ao tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.