Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Como você, ouvinte de rádio via streaming, classifica esse serviço oferecido pela sua emissora preferida?

Enquete

Terça-Feira, 21 de Agosto de 2012 @ 14:02

Especial: Internet é aliada do rádio durante o Horário Eleitoral e a Voz do Brasil

São Paulo – Imposições não afetam a internet e emissoras continuam com programação normal 

Publicidade

Durante este período de eleições, as emissoras de rádio no Brasil precisam arcar com mais uma imposição em suas grades de programação: horário eleitoral gratuito. Fora da discussão se isso é certo ou errado, as emissoras de rádio e televisão executam 60  minutos diários (de segunda a sábado) de propaganda eleitoral, sem contar as inserções nos intervalos comerciais. Isso não é novidade. Porém, há um fator existente neste quadro que está relacionado à internet.

Várias estações de rádio que operam em FM ou AM estão “ignorando” a existência do horário eleitoral gratuito em suas grades quando o assunto é transmissão via internet. Enquanto as faixas em FM e AM retransmitem os programas eleitorais, várias estações que possuem seus áudios via internet mantém suas grades em alterações na transmissão on-line. 
 
O ouvinte que geralmente acompanha a programação musical pelo rádio pode migrar para a internet durante as transmissões do horário eleitoral. Através da web, diversas emissoras pelo Brasil seguem executando suas programações normalmente, sem alterações, retomando a transmissão ao dial após o final da propaganda política obrigatória. 
 
Esse formato de transmissão é comum nas rádios de São Paulo. Todas as emissoras do Grupo Bandeirantes estão separando suas transmissões durante o horário eleitoral gratuito, mantendo suas programações normais via internet e também pelos “smartphones”. Situação também observada nas rádios da Estadão ESPN (FM 92.9 e AM 700), Mix FM 106.3, Jovem Pan (FM 100.9 e AM 620), 89 FM 89.1, CBN (AM 780 e FM 90.5), entre outras.
 
O mesmo ocorre com a transmissão obrigatória da Voz do Brasil. As rádios que não possuem liminares e processos que flexibilizam o horário de transmissão estão apelando para a divisão das transmissões, separando o áudio on-line da transmissão convencional em FM ou AM. A legislação não impõe a transmissão obrigatória do horário eleitoral ou da Voz do Brasil via internet.
 
Seguir com a mesma linha de programação via internet enquanto as transmissões convencionais são obrigadas a adotar o roteiro imposto por lei é uma ferramenta poderosa para o meio radiofônico. Essa linha de raciocínio faz da internet uma aliada do rádio e não uma concorrente. 
 
Os ouvintes de rádio que possuem acesso à internet via computadores ou celulares não deixarão de ouvir suas emissoras de rádio convencionais devido a existência de outras mídias e formatos on-line. A internet passa a ser uma espécie de complemento ou nova opção do rádio convencional e não concorrente. 
 
Além de conduzir a audiência convencional aos canais de internet, o rádio também pode criar um efeito contrário: conduzir a audiência on-line para os seus canais em FM e AM, criando um sistema integrado em favor do meio rádio, além de possibilitar a aproximação de públicos que não estão presente no formato convencional.

A reprodução das notícias e das pautas é autorizada desde que contenha a assinatura 'tudoradio.com'
Tags: Horário eleitoral, radiodifusão, eleição, Internet, Smartphones

Compartilhe!

Teste
Carlos Massaro

Carlos Massaro atua como radialista e jornalista e é formado em Direito. Já coordenou artisticamente uma afiliada da Band FM (interior de São Paulo) e trabalhou como locutor em outra retransmissora da Band FM e na Interativa de Avaré. Atua pelo tudoradio.com desde 2009, responsável pela atualização diária da redação do portal.



...


Mais tudoradio.com



tudoradio.com © 2001 - 2020 | Todos os direitos reservados
Marcas que pertencem ao tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.