Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Qual será o papel do rádio nas eleições municipais de 2020?

Enquete

Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020 @ 07:31

Tendências | Parceria entre Audi e iHeartRadio pode impulsionar o rádio híbrido na América do Norte

São Paulo - Audi já havia apresentado suas soluções durante o NAB Show Express deste ano. Sistema mescla sintonia FM/AM com conexão via streaming

Publicidade

Um acordo de colaboração firmado entre a IHeartRadio e a Audi pode ser decisivo para mudar o patamar do rádio híbrido na América do Norte. Segundo o portal Radio World, a montadora automotiva anunciou que está trabalhando com o maior grupo de rádios para levar essa tecnologia a mais motoristas do Canadá e dos Estados Unidos. A compatibilidade irá cobrir mais de 600 estações nos dois países e o rádio híbrido é uma solução que mescla o sinal terrestre (FM/AM) com dados de internet (streaming de áudio e outras funcionalidades):

Segundo a reportagem do portal norte-americano, a Audi já disponibiliza o rádio híbrido nos modelos 2021, que passam a ser vendidos nos Estados Unidos já em setembro deste ano. Há uma grande movimentação da montadora alemã na adoção do sistema, com a Audi liderando a defesa dessa tecnologia. 

O receptor dos modelos 2021 da Audi contam com uma nova suíte de entretenimento informativo, chamado de MIB 3. Os motoristas que tiverem uma assinatura dos planos Audi Connect Prime ou Plus poderão usar a tecnologia de transmissão híbrida, que irá alternar entre o sinal terrestre digital em FM/AM com o streaming, proporcionando uma transmissão ininterrupta das estações preferidas do ouvinte.

A plataforma híbrida da Audi usa um hotspot de 4G LTE Wi-Fi, que providencia a conexão pelo veículo e é suficiente para que o receptor híbrido opere de forma ininterrupta, por isso a necessidade de uma assinatura por parte do motorista junto à Audi. 

O que tem chamado a atenção do mercado em relação à Audi é a facilidade do sistema, que atende bem os padrões de consumo dos ouvintes de rádio (acostumados com a facilidade de acesso ao meio). 

O sistema utiliza os padrões abertos da RadioDNS e a Audi já tem trabalhado de forma ampla o seu modelo de rádio híbrido nos modelos vendidos pela montadora na Europa. A diferença fica com o sistema de sinal terrestre integrado ao rádio híbrido, já que no continente europeu o padrão é o DRM e na América do Norte é o IBOC/HD Radio.


Receptor híbrido da Audi ao mostrar as estações disponíveis. O ícone com nome “Web” indica a recepção através do canal WiFi, quando o sinal FM não está disponível ou está com baixa intensidade

"Quando o veículo é desligado e ligado novamente, ele consegue reter a estação de rádio, captando a estação de rádio digital via conexão com a internet. Colaborar com iHeartRadio traz a experiência para a vida", afirma a montadora em seu comunicado.

O anúncio foi feito por Pom Malhotra, diretor 'Connected Services' da Audi of America, e Michele Laven, presidente do 'Strategic Partnerships Group' da iHeartMedia.

"A funcionalidade inovadora que a Audi está introduzindo por meio de sua experiência de Rádio Híbrido permite mais uma maneira para que essa companhia seja continuamente estendida além do alcance do sinal de transmissão, mantendo o consumidor conectado à sua estação favorita, não importa onde a estrada leve eles", afirma Laven.

Recomendamos:
> Com publicidade direcionada e maior dados de audiência, rádio híbrido da Audi chega à América do Norte em 2020

Possíveis vantagens para os dois lados (emissoras e ouvintes)

As vantagens do rádio híbrido para os ouvintes é a possibilidade de não serem incomodados com 'sombras' no sinal terrestre e a possibilidade de ouvirem suas emissoras preferidas em áreas onde não há a recepção FM/AM. Outro ponto é a possibilidade de mais dados sobre o conteúdo que estão recebendo e interações, já que há conexão de dados on-line.

Já para as emissoras, o sistema é uma solução importante em um mundo que cobra mais dados sobre a audiência: conectado à internet, o rádio híbrido pode fornecer metadados de escutas que serão úteis na operação comercial das rádios, como análises de audiência, anúncios com referências de perfis ou geográficas, entre outros pontos que já são possíveis via streaming, mas que serão potencializados pela junção do alcance do FM/AM.

Os testes do rádio híbrido da Audi nos Estados Unidos foram divulgados pela montadora no NAB Show Express deste ano, acompanhado pelo tudoradio.com. Os testes de campo foram feitos na região de São Francisco (EUA), incluindo estações de diferentes grupos de comunicação.

Fique por dentro:
> Veja aqui mais notícias sobre o atual momento do rádio em diferentes países
> Confira também as principais tendências para o setor de rádio e tecnologia

Com informações da iHeartRadio, Audi of America e do portal Radio World

Tags: iHeartRadio, Audi, rádio híbrido, receptor, NAB Show Express, streaming

Compartilhe!

Teste
Daniel Starck

Daniel Starck é jornalista, empresário e proprietário do tudoradio.com (veiculo que atua há mais de 19 anos voltado aos interesses do rádio brasileiro e de seus ouvintes). Formado em Comunicação Social / Jornalismo pela PUCPR, Daniel também já teve passagens por rádios como CBN, Rádio Clube e Rádio Paraná. Também atua como palestrante e consultor nas áreas artística e digital.



...







Mais tudoradio.com



tudoradio.com © 2004 - 2020 | Todos os direitos reservados
Marcas que pertencem ao tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.