Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Como você, ouvinte de rádio via streaming, classifica esse serviço oferecido pela sua emissora preferida?

Enquete

Sexta-Feira, 14 de Junho de 2019 @ 07:31

Conselho diretor da Anatel aprova consulta pública para canalização dos canais 5 e 6

Brasília – Canais utilizados pela TV analógica são a extensão do dial FM para utilização da migração AM-FM

Publicidade

A Anatel vai realizar consulta pública, com audiências públicas, para fazer a reavaliação da regulamentação técnica para destinar os canais 5 e 6 que eram ocupados pela TV analógica, e com a digitalização desse serviço ficaram vagos e serão destinados para a migração AM-FM. A consulta pública foi aprovada pelo Conselho Diretor da Anatel nesta quinta-feira (13).

De acordo com as informações da Anatel, a alocação da faixa que vai de 76 a 88 MHz (chamada de FM estendido) vai resolver os mais de 400 pedidos de migração de rádios que ainda aguardam a liberação do espectro. As audiências públicas serão voltadas para o dial da Grande São Paulo e do Distrito Federal.

Veja também:
> Anatel divulga mais quatro canais para migração AM-FM
> Levantamento: Migração AM-FM segue evoluindo no FM convencional e atinge capitais no final de fevereiro 

Com a liberação dos canais correspondentes ao 5 e 6, serão disponibilizados 57 novos canais para essas emissoras de rádio FM comerciais. Além disso, três desses canais estão destinados para as emissoras de rádio comunitárias. 

O presidente da Anatel, Leonardo Morais, essa mudança vai possibilitar a reinvenção das rádios AM. “As emissoras em OM desde 2013 ansiosamente aguardam a oportunidade de adaptar suas outorgas. Isso porque, para elas, a migração é um passo essencial para a sua sobrevivência no concorrido mercado de comunicações eletrônicas de massa”, ressaltou.

Morais também preside o Comitê de Uso do Espectro e de Órbita (CEO). Por meio do Memorando Circular 1/2019/CEO, o Comitê solicitou às áreas técnicas que considerem diversos cenários de convivência entre as emissoras, utilizando tanto a faixa convencional quanto sua combinação com a estendida.

O assessor técnico da Aerp e Sert-PR, Elias Augustinho, disse que o regulamento terá participação dos engenheiros, técnicos e radiodifusores que poderão analisar e criticar os pontos relevantes que serão considerados pela Agência para uma redação final.

A orientação da Aerp é radiodifusor leia e participe com a sua opinião, assim que consulta estiver aberta ou que participe das audiências públicas.

O levantamento completo da migração no Brasil (inclusive o número de migrantes por estado) pode ser acompanhado aqui. A atualização é diária.

Tags: Rádio, migração AM-FM, Anatel, consulta pública, Brasília

Compartilhe!

Teste
Carlos Massaro

Carlos Massaro atua como radialista e jornalista e é formado em Direito. Já coordenou artisticamente uma afiliada da Band FM (interior de São Paulo) e trabalhou como locutor em outra retransmissora da Band FM e na Interativa de Avaré. Atua pelo tudoradio.com desde 2009, responsável pela atualização diária da redação do portal.



...


Mais tudoradio.com



tudoradio.com © 2001 - 2020 | Todos os direitos reservados
Marcas que pertencem ao tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.