Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

Seja pelo celular, rádio do carro ou receptor tradicional… você já tem algum receptor de rádio com FM estendido (a partir de 76.1 FM)?

Enquete

Quinta-Feira, 27 de Junho de 2019 @ 07:31

O Rádio hoje | Nielsen aponta que o rádio segue na liderança de alcance entre todas as plataformas nos Estados Unidos

São Paulo - São 92% de alcance semanal entre a população adulta. Detalhe: levantamento também mostra que adolescentes também consomem o meio

Publicidade

A Nielsen divulgou um estudo sobre a estabilidade e liderança do rádio em relação ao consumo do veículo entre a população dos Estados Unidos. Entre o público com 18 anos ou mais, o rádio segue com 92% de alcance semanal, sendo 132,4 milhões de norte-americanos impactados pelo rádio mensalmente (98% de alcance mensal).  O volume é superior ao alcance dos smartphones (81%), TV (87%), PC (54%), TVs-dispositivos conectados (52%) e tablets (46%). Detalhe: há a possibilidade de audição de programação de rádio em praticamente todos os demais dispositivos, algo não incluso no alcance que é relativo ao receptor FM/AM.

O alcance elevado e estável, fortalece o papel comercial do rádio, segundo a Nielsen. "O rádio se conecta com o público certo no momento certo, especialmente quando os consumidores estão por aí, prontos para fazer compras e comprar. Os consumidores usam o rádio principalmente quando estão longe de casa. A audição fora de casa durante a semana inteira é mais de duas vezes maior (69%) do que a audição em casa (31%)", destaca o estudo.


Alcance de cada plataforma-dispositivo nos EUA/ Fonte: Nielsen

O levantamento também mostra que a população "teen", ou seja, aquela de 12 a 17 anos, também consome rádio, além de seus formatos preferidos (tendo o Pop CHR, ou Pop-top 40, na liderança - veja logo abaixo). A Nielsen mostra que 93% dessa população jovem é impactada mensalmente pelo rádio, com um volume absoluto de 23,3 milhões de pessoas. 

A Nielsen destaca que, além de estável em seu alcance ao longo dos anos (sem deixar esse patamar acima dos 90%), o rádio também conta com uma alta demanda por faixas etárias e grupos sociais diferentes, gerando uma audição bem diversificada. 


Formatos mais consumidos por cada grupo etário, gênero e etnia nos Estados Unidos / Fonte : Nielsen 

Recomendamos:
> Pesquisa Ipsos reafirma força do rádio, crescimento do áudio e a convivência do meio com os podcasts 
> Panorama: Receptor FM/AM segue como principal fonte de conteúdo de áudio nos Estados Unidos. Streaming avança 
> Mais Europa: 89% da população do Reino Unido ouve rádio todas as semanas segundo medição da Rajar 

"Como a maioria das rádios é consumida fora de casa (particularmente ao dirigir de e para o trabalho ou fazer recados), ela oferece uma oportunidade significativa para que profissionais de marketing e anunciantes entreguem suas mensagens antes de um possível ponto de compra. O sucesso contínuo e a resiliência do rádio se devem em grande parte ao espaço invejável que ele ocupa no console automotivo. É gratuito, onipresente e na ponta dos dedos de praticamente todos os consumidores na estrada hoje. A maior parte da audição longe do rádio acontece no carro: 66% ocorre durante a semana total, 71% durante o horário normal de trabalho de segunda a sexta-feira e 79% nos fins de semana", destaca o estudo da Nielsen.


Comparativo do consumo do rádio no trajeto ou em casa nos EUA (toda a semana, semana de trabalho, em trajeto/dirigindo, finais de semana) / Fonte: Nielsen

O estudo da Nielsen também destaca o consumo de Podcast e o uso dos dispositivos smart speakers por mercado (praça) nos Estados Unidos. Washington lidera o volume de consumo de podcast, seguido por Seattle. Já Nova York é o mercado que conta com o maior uso das famosas caixas de som inteligentes. 

Smarts speakers e Podcast:
> Previsão: Smart speakers devem ter um crescimento de 82% entre 2018 e 2019 
> Estudo estima que podcast pode render cerca de US$ 1 bilhão até 2021 nos Estados Unidos 
> Mercado de olho: iHeartMedia, grupo de rádios, já é a maior plataforma comercial de podcasts dos Estados Unidos 

 

Tags: Nielsen, Estados Unidos, audiência, comportamento, consumo, audiência, formatos, públicos

Compartilhe!

Teste
Daniel Starck

Daniel Starck é jornalista, empresário e proprietário do tudoradio.com (veiculo que atua há mais de 19 anos voltado aos interesses do rádio brasileiro e de seus ouvintes). Formado em Comunicação Social / Jornalismo pela PUCPR, Daniel também já teve passagens por rádios como CBN, Rádio Clube e Rádio Paraná. Também atua como palestrante e consultor nas áreas artística e digital.



...









tudoradio.com © 2004 - 2021 | Todos os direitos reservados
Mais tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.