Rádios online / Emissoras ao vivo

Dials / Guia de Rádios

Procurar notícias de rádio

Canais.

Canais.

Canais.

Enquete

O que a sua rádio preferida deve fazer na programação durante a pandemia da covid-19?

Enquete

Segunda-Feira, 06 de Abril de 2020 @ 07:31

Portal tudoradio.com publica série de artigos que podem auxiliar rádios e profissionais em época de pandemia do novo coronavírus

São Paulo - Reforço de marca, situação comercial, compartilhamento de conteúdo e até dicas para o Home-office estão entre os assuntos abordados pelos colunistas

Publicidade

O tudoradio.com intensificou, desde março, a publicação de artigos com assuntos relacionados à pandemia do coronavírus. Além das notícias veiculadas diariamente com a movimentação no meio perante a covid-19, os colunistas do portal também publicaram textos que mostram cenários para o rádio enfrentar esse período. Temas como fake news (notícias falsas), o papel do rádio durante a pandemia, reforço de marca, situação comercial, disponibilidade de conteúdos para profissionais e dicas para trabalhar em casa estão entre os assuntos publicados.

Rodolfo Moura, advogado com ampla experiência no setor de radiodifusão, destacou que a criatividade pode e precisa ser um diferencial do radiodifusor neste período de pandemia. "O rádio e a televisão continuam com a missão fundamental de levar informação de qualidade e com credibilidade à população, de forma a mantê-la adequadamente atualizada sobre os fatos e orientando sobre as providências e os cuidados que devem ser adotados", destaca Moura.

Moura destaca a importância de manter bons quadros nas equipes das emissoras durante o período. "O momento não é o de dispensar os melhores colaboradores, embora seja sim necessário realizar algumas adequações nas condições de trabalho, como a implementação do teletrabalho (home office) e o controle remoto das operações". Mas reconhece que existem desafios para a operação, com o recuo da atividade econômica. E, em seu artigo, lista pontos que as rádios podem considerar para manter uma operação de destaque.

Daniel Starck, diretor do tudoradio.com, também publicou um texto que mostra a importância do meio rádio nesse período, onde o veículo tem reforçado "o perfil de companheirismo e como pode mudar a vida das pessoas nessa situação de extrema dificuldade". Em seu texto, o jornalista lembra de atividades e campanhas realizadas pelas emissoras, sejam de apoio ao comércio local e também de prestar serviço à população (com notícias ou até mesmo entretenimento, auxiliando o lado psicológico dos ouvintes em tempos de reclusão).

Starck não ignora a dificuldade comercial que o rádio já enfrenta, mas lembra que isso não é uma exclusividade do veículo, algo que tem afetado praticamente todos os segmentos econômicos. "Mas o rádio, assim como os veículos de comunicação de massa, pode sair fortalecido nos seus principais ativos: audiência e credibilidade. Algo que deve auxiliar diretamente na retomada e, numa visão mais otimista, numa elevação de patamar na comparação com o período pré-coronavírus", reforça o jornalista.

Fernando Morgado, professor e consultor, também reforça o papel do rádio neste período de pandemia. "É justamente em momentos assim, tão delicados, que descobrimos com quem podemos contar, inclusive em termos de informação. E o rádio, mídia tão tradicional, reforça sua posição de referência graças a atributos como agilidade, credibilidade e interatividade", destaca o colunista em um de seus textos.

"Na luta contra o novo coronavírus, o rádio ocupa um papel estratégico. Trata-se da segunda maior mídia em termos de alcance no Brasil, podendo ser consumida por qualquer um, inclusive analfabetos e pessoas que vivem em regiões remotas", afirma Morgado, que também reforça o papel do rádio no combate às notícias falsas: "apenas a comunicação profissional, como a que é feita pelo rádio, pode combater essa ameaça".  

Morgado também publicou outro artigo no tudoradio.com neste mês de março, texto que foi originalmente veiculado pelo Comunique-se. Com o título "Notícia falsa mata", Fernando destaca que "apenas os meios tradicionais são capazes de vencer as fake news digitais, pois impactam uma enorme massa de pessoas de forma imediata e simultânea. Em outras palavras: somente a mobilização das audiências a atacado pode combater as mentiras espalhadas a granel".

Gleyson Lage, produtor, publicou uma coluna que reforça a ideia de necessidade de união dos profissionais do meio rádio neste momento, principalmente no compartilhamento de conteúdo e conhecimento. E isso é uma lição que deve ser considerada por todos inclusive fora do período da pandemia do novo coronavírus. 

Em seu artigo "É preciso compartilhar!", Lage provoca dizendo que gosta "de ver gente nova chegando porque isso também me mantém com o desejo de aprender mais e aquece o mercado. Você vai produzir melhor se for desafiado. Se estiver sozinho, que mérito tem em ser o melhor?". E completa informando que está disponibilizando um E-book com um guia completo para produção em sete passos.

Guliver Leão, presidente da Federação Nacional das Empresas de Rádio e Televisão (Fenaert), também publicou um artigo no tudoradio.com neste mês de março. Em seu texto, chamado "Coronavírus na Era das fake news", Leão destaca que "precisamos unir esforços para combater as fake news, mas dessa vez em prol de algo muito maior, que talvez ainda não tenhamos a dimensão. Vamos juntos contribuir para a disseminação de informação verdadeira, de qualidade e acessível. É o momento de nos preocuparmos com a saúde mundial e nós, comunicadores, temos papel fundamental".

E, até o momento, o tudoradio.com segue publicando novos artigos e outros textos já estão previstos para o mês de abril. Na quinta-feira passada (2) foi ao ar uma coluna que conta com dicas de especialistas para para aumentar a produtividade durante o Home Office, prática que tem sido adotada pelas emissoras em todo o país. O texto foi produzido pela assessoria  P+G Comunicação Integrada, assinado por Fernanda Glinka.

Confira esses e outros artigos acessando a área de Colunas do tudoradio.com

Notícias com análises e panoramas 

O coronavírus também afetou de forma significativa a redação do tudoradio.com. Diariamente o portal tem procurado cobrir a movimentação das rádios em ações relacionadas à pandemia. E também oferecido análises sobre o comportamento do mercado e da audiência, seja no Brasil ou em outros países do mundo.

Todo esse conteúdo pode ser conferido através do link a seguir: https://tudoradio.com/noticias/busca/coronav%EDrus

Tags: Artigos, coronavírus, rádio, veículos, fake news, home office, desafios, conteúdo

Compartilhe!

Teste
Redação tudoradio.com O material publicado nesta página é assinado por toda a redação do tudoradio.com, representando a apuração realizada por toda a equipe e/ou um editorial de assinatura do portal.


...







Mais tudoradio.com



tudoradio.com © 2001 - 2020 | Todos os direitos reservados
Marcas que pertencem ao tudoradio.com:
Empresas parceiras do tudoradio.com:
tudoradio.com - O site de rádios do Brasil
Tel. Comercial: (41) 4062.0035 | (11) 4062.0058 / (09h às 12h e das 14h às 17h - seg. a sexta)
Entre em contato com o portal clicando aqui.